Pular para o conteúdo principal

Postagens

DEUS QUER TE APRESENTAR UM OUTRO CAMINHO

Uma vida cheia de conceitos e padrões, O Amor é isso, Família é assim, Amigos e namorados precisam agir desse modo, Sempre cheia de objetivos, projetos, sonhos todos bem definidos. Quanta bagagem! É tudo nessa ordem, nada pode estar fora do lugar, aí ele vem e bagunça tudo, eu me frustro, choro, sofro até que eu entenda de uma vez por toda que a vida não é uma check-list. Mas ele vai te ensinar, o primeiro item vai ser o último, o quinto pode ser o primeiro, alguns serão cortados, outros não vão acontecer porque você não vai querer mais, há infinita possibilidades, há um mundo tão bonito quanto o seu, vem ver, esse caminho é mais longo do que você planejou, porém ele possui algo que o seu não tem. Ao escrever esse texto pude constatar que Deus tem trabalhado intensivamente nisso: É necessário esvaziar-se para poder encher novamente. Esvaziar –se de conceitos, opiniões formadas, ideias para deixar ser ensinado, para poder encher-se de coisas novas. Entender e viver realmente isso é uma dá…

EU PRECISEI ME PERDOAR PARA SUPERAR

Perdão é uma palavra difícil, forte de ser pronunciada, ainda mais auto perdão, isso porque não se damos conta que precisamos nos perdoar e se precisamos como fazer isso? Existe uma grande dificuldade de olharmos no espelho e nos encararmos como realmente somos. Alguns meses atrás me deparei com um texto que perguntava se eu já havia me perdoado, li e reler por tantas vezes até entender que o perdão é uma escolha diária, que acontece nos simples momentos, talvez você não note, mas você vai ter tomado a decisão de se perdoar quando entender que isso é o princípio básico para as outras decisões, é somente você com você mesmo. A par disso tudo eu precisei me perdoar para superar e entender que há coisas que não dependem mais somente de mim, Precisei me perdoar para superar situações que aconteceram em momentos que não devia e que eu não era capaz de discernir que aquilo não era bom para mim, Precisei me perdoar para superar as fases ruins da vida e entender que elas não lhe definem. Precise…

A IMPORTÂNCIA DE DAR MESMO SE NÃO RECEBER ALGO EM TROCA

Talvez você discorde, talvez você ache que esse tipo de amor é apenas quando um tira aproveito do outro, o que eu vou falar não é muito diferente. É a grande necessidade de só querer receber porque você acha que só você precisa. Só eu quero ser amada, Só eu quero ser cuidada, Só eu preciso ser ajudada, Só eu preciso disso. As carências e feridas nos cegam a ponto de esquecer do essencial: Dê o seu melhor, mesmo que não receba nada em troca, dê tudo que você almeja receber, dê independente da dor que você carrega, do trauma que você viveu, das decepções que você passou. Acho que qualquer relacionamento seja lá qual o tipo, mais em especial o amoroso, não é só troca, é compartilhamento ou seja eu quero compartilhar tudo que tenho com você e isso incluir o meu melhor e o meu pior. Isso decorre de uma outra questão: todas as pessoas que passam pelas nossas vidas deixam algo: lição, experiência, sofrimento, alegria seja lá o que for a escolha é sua,por isso escolha o melhor que você tiver, o qu…

SOBRE AS EXPECTATIVAS QUE CRIAMOS:

TROCA DE PADRÃO

Há algumas noites em que a minha mente fica rolando sobre o travesseiro, e num desses dias pensei o quanto a mídia tem falado cada vez mais sobre auto aceitação e a influência que os padrões criados pela sociedade impactou na vida das pessoas, em especial as meninas que estavam escondidas e agora graça ao apoio e intensificação do tema, estão assumindo o seu cabelo, seu corpo, suas escolhas, ou seja, sua verdadeira identidade. Mesmo que aos poucos, estamos começando a entender que o padrão que a sociedade criou, está muito mais interessada em vender cosmético, expandir o capitalismo do que retratar o valor real da beleza, por outro lado também vejo que estamos trocando um padrão por outro, deixa eu dar um exemplo: Por muitos anos a ditadura do cabelo liso permaneceu fixa sobre os nossos olhos, mentes e desejos, mas após passar pela transição capilar e assumir o cabelo natural já endeusamos aquele cacheado e crespo, aquele que mais uma vez a mídia usa para vender produtos, ou seja saímos…

EU QUERIA QUE FOSSEMOS HUMANOS

Eu queria que a gente entendesse que somos bem mais do que sobrancelhas perfeitas, olhos impecavelmente bem esfumados e delineados, peles lisas sem nenhuma imperfeição, corpos sedentos por beleza e status. Eu queria que fossemos humanos. Humanos que estão cheios de manchas, feridas, cicatrizes e ainda assim Riem, brincam, se divertem. Humanos que cometem erros porque muitas das vezes estão altamente perdidos, mergulhados nas suas próprias bagunças e conflitos. Humanos que não negam sua dor, pelo contrário assumem elas. Humanos que independente das circunstâncias, ainda carregam dentro de si: sonhos, ideias e desejos. São tantas versões, mas em todas elas:  humanos,
Nada mais do que isso.

PRAZER CABELO, EU SOU A INGRID

Quase todas as histórias de meninas que voltaram ao seu cabelo natural são parecidas, você já deve ter reparado, a minha não é diferente. Mas o que diferencia uma das outras é o que fazemos com essa história se usamos para extrair algo de bom ou se é apenas mais uma dentre tantas mudanças que teremos em nossas vidas, posso afirmar que o processo de libertação começou pelo meu cabelo, eu gosto muito de escrever, fotografar as coisas que já aconteceram comigo para nunca esquecer quem eu era e o que sou agora, e uma delas é relação ao meu cabelo, que durante a minha infância era chamada de Bombril, cabelo ruim, o azarado por que não era liso. Cresci acreditando nisso e durante muitos anos me olhava no espelho e não me reconhecia, eu era o que a mídia queria que fosse e de tanto querer que o meu cabelo fosse inserido no padrão da sociedade, ele foi danificado, para resolver isso, decidir usar tranças, e depois que conseguisse recuperá-lo, pensava vou voltar a alisar. Mas o que eu não sabi…